Ir Hemorragia (extravasar)
Ir

Hemorragia

Hemorragia (sinônimo de extravasamento) é uma coleção de sangue derramado em cavidades do corpo, órgãos e tecidos. Hemorragia sempre ocorre devido a sangramento (veja). O sangue na área de hemorragia pode infiltrar-se difusamente no tecido ou acumular-se em uma área limitada, empurrando e apertando os tecidos moles para os lados.

Pequenas hemorragias múltiplas são chamadas de equimose, petéquias; hemorragias graves rodeadas por tecidos em dispersão - hematoma (ver). A hemorragia difusa nos tegumentos do corpo é chamada de hematomas. Hemorragia na cavidade pleural é referido como hemotórax (ver), na bolsa cardíaca - hemopericárdio (ver), na cavidade abdominal - hemoperitônio, na cavidade articular - hemartrose (ver). A hemorragia pequena pode resolver, deixando atrás só acumulações do pigmento de sangue marrom - hemossiderin. Em grandes focos de hemorragia geralmente cresce o tecido conjuntivo ("organização").

Tecidos encharcados de sangue podem sofrer morte com a rejeição de tecido morto e a formação de úlceras, especialmente em órgãos ricos em enzimas ativas (estômago, intestinos). Na infecção do centro da hemorragia, supuração pode ocorrer e então necrose de tecido ou calcificação.

O efeito da hemorragia no corpo depende do seu volume, velocidade de desenvolvimento e importância do órgão afetado. A hemorragia em um cérebro é especialmente perigosa (ver. Apoplexia).