Ir Cocaína (Cocainum)

Cocaína

A cocaína (Cocainum; Lista A ) é um anestésico local. É utilizado sob a forma de cloridrato de cocaína (Cocainum hydrochloricum, Cocaini hydrochloridum). É altamente tóxico, portanto, é utilizado apenas para anestesia de superfície da conjuntiva e córnea do olho (soluções a 1-3%), membranas mucosas da cavidade oral, nariz e laringe (soluções a 2-5%), membrana mucosa da uretra (soluções a 3-5%). Doses mais altas: simples e diária 0,03 g Sinais de intoxicação aguda por cocaína: euforia, agitação, alternando com depressão do sistema nervoso central. Primeiros socorros - veja Envenenamento. Com o uso repetido de cocaína, o vício pode ocorrer (ver dependência de drogas, cocainismo). Método de emissão: pó, solução a 2% em ampolas de 1 ml. Veja também Anestésicos.

Ir